27 de maio de 2016

MANTEIGA DE AMENDOIM: SAUDÁVEL OU NÃO?

27.5.16

[Imagem daqui]

A manteiga de amendoim está na moda! Diz-se ser uma manteiga mais saudável, rica em gorduras monoinsaturadas e polinsaturadas - as boas, que permitem baixar o colesterol LDL - o mau, e prevenir o risco de doenças cardiovasculares. É uma manteiga muito rica em proteína, hidratos de carbono complexos, vitaminas e antioxidantes.
Como em quase tudo no que respeita a alimentação, também a manteiga de amendoim deve ser consumida com alguma moderação pois pode ser muito calórica! O amendoim é uma oleaginosa, tendo por isso muita gordura. A dose máxima diária não deve exceder as duas colheres de sopa por dia, tendo em conta que 40 gramas equivalem a três colheres de sopa ou seja, cerca de 226 calorias.

Mas será a manteiga de amendoim de compra a mais indicada? A verdade é que muitas das manteigas de amendoim no mercado não são a melhor opção. É necessário ter em atenção a composição do frasco, e verificar que a manteiga em questão é apenas feita com amendoim. O que acontece é que existem muitas marcas que juntam outros constituintes como açúcar, gorduras e conservantes.

A melhor opção é sem dúvida a manteiga de amendoim caseira, uma vez que é saudável, rica em gorduras monoinsaturadas e polinsaturadas, as gorduras que permitem baixar o colesterol LDL e prevenir o risco de doenças cardiovasculares. Além disso, esta manteiga é muito rica em proteína, hidratos de carbono complexos, vitaminas e antioxidantes. 

De simples e rápida confecção, a única limitação que nos é imposta para fazermos a nossa própria manteiga de amendoim é o facto de termos um processador de alimentos tipo robot de cozinha.

Os ingredientes, ou mais correctamente o ingrediente único: amendoim! Deve estar descascado e sem pele. O óleo próprio dos amendoins faz o trabalho todo! Basta colocar dentro do copo do processador os amendoim e ligar na potencia máxima até formar uma pasta suave. Não desanimem se demorar um pouquinho pois o tempo varia conforme a potencia do processador utilizado. Experimentem e digam-nos o que acharam!


Peanut butter is on! It is said to be a healthier, butter rich in monounsaturated and polyunsaturated fats - the good, which allow lower LDL cholesterol - the bad, and prevent the risk of cardiovascular disease. This butter is a very rich in protein, complex carbohydrates, vitamins and antioxidants.
As with almost everything in relation to food, also peanut butter should be consumed with some moderation it can be very caloric! The peanut is an oilseed crop, with so much fat. The maximum daily dose should not exceed two tablespoons per day, taking into account that 40 grams is equivalent to three tablespoons or about 226 calories. But it is peanut butterwe buy the most appropriate? The truth is that many of peanut butters on the market are not the best option. You must be aware of the bottle composition, and verify that the butter in question is made only with peanuts. What happens is that there are many brands that join other constituents such as sugar, fat and preservatives.
The best option is undoubtedly the butter homemade peanut, as it is healthy, rich in monounsaturated and polyunsaturated fats, fats that allow lower LDL cholesterol and reduce the risk of cardiovascular disease. Furthermore, this butter is rich in protein, complex carbohydrates, vitamins and antioxidants. Simple and fast to prepare, the only limitation that is imposed on us to do our own peanut butter is that we must have a food processor. The ingredients, or more correctly the only ingredient: peanuts! They must be peeled and skinned. The peanuts oil itself does all the work! Simply put the peanuts inside the processor cup and turn on full power to form a smooth paste. Do not be discouraged if it takes a little while for the time varies according to the power of the processor used. Try it and tell us what you think!

Sem comentários: