28 de setembro de 2016

O QUE SÃO FERIAS RED? #3 ECORKHOTEL

28.9.16
Depois de termos iniciado as nossas maravilhosas férias no Monte da Cabeça Gorda, de termos dormido 3 noites no Solar dos Mascarenhas iríamos terminar em grande no Ecorkhotel.

Com isto não estou a querer dizer que os alojamentos anteriores não foram igualmente bons, nada disso, todos eles foram espectaculares e reuniram as condições que tínhamos predefinido para umas férias em família com a componente desportiva, bem que podemos agradecer ao Odisseias, mas o Ecorkhotel tem só a melhor cama onde eu alguma vez dormi!

Os dias passados neste hotel foram do melhor que alguma vez tivemos em família, mas chegar ao fim do dia e poder dormir naquelas camas... é mesmo a melhor coisa do mundo, é a certeza de que nos deitamos cansados e acordamos revitalizados e prontos para mais um dia, de férias claro!

A principal característica física do hotel, para além da sua componente eco, é talvez o facto de as 56 suites serem como que pequenas vilas, perfeitamente distribuídas por uma vasta área de terreno, dando assim total privacidade a cada uma das famílias e acreditem que quando temos filhos, faz falta. A ligação entre as suites e o edifício principal do hotel é feita por caminhos de pedra, que se transformam em perfeitos circuitos para os filhos andarem de bicicleta em segurança, bom pelo menos foi para os meus, acredito que outros os tenham usado para correr ou simplesmente para passear. 

Todo o hotel foi pensado para estar em harmonia com a natureza e isso nota-se nos pequenos pormenores e reflecte-se no comportamento dos hospedes. O simples facto de termos um rebanho de ovelhas a pastar livremente no recinto fechado do hotel, fez as delicias de pequenos e graúdos, todos os dias era imprescindível a vista às amigas de pêlo fofo e aos borregos recém nascidos.

Mas o local onde passámos mais horas foi sem sombra de dúvida a piscina no terraço do hotel, mergulhar naquela água morna e poder ficar a contemplar a planície alentejana é algo indescritível, acho que, os 4, nunca tivemos tantas horas dentro de água, fosse a brincar ou simplesmente a conversar. Os pormenores familiares podem ler aqui.


Desportivamente falando, o Ecorkhotel é perfeito para a prática do ciclismo e atletismo. Saindo de cada uma das suites, podemos imediatamente correr ou pedalar, atravessando os portões só temos de decidir se queremos ir para esquerda ou direita, sendo a esquerda caminhos de terra por entre as herdades e se optarmos pela direita vamos até à estrada nacional e daí as hipóteses são infinitas, só temos de decidir quantos quilómetros queremos percorrer.

No meu caso pessoal e porque me encontrava em final de férias, optei por uma volta mais rolante em direcção a Reguengos de Monsaraz, com regresso pela mesma estrada, um treino de 53km com sprints de 5 em 5kms. Deu para soltar as pernas e mais uma vez confirmar que estas estradas, mesmo as mais movimentadas continuam a ser muito boas para pedalar.

Podem ver o percurso no STRAVA aqui.

Regressar ao hotel por aquela estrada de paralelo, sempre me faz pensar no filme "Feiticeiro de Oz", só falta mesmo ser em amarelo e é perfeito, chegar de um treino ou de um qualquer passeio e percorrer aqueles quilómetros finais até aos portões do hotel... digamos que é um convite à calma. Atravessar o portão e ao chegar à suite, ter o privilegio de estacionar as bicicletas no terraço privativo da suite é qualquer coisa...


É um hotel que está perfeitamente isolado do resto do mundo e ao mesmo tempo a poucos minutos do centro de Évora, cidade que está em constante crescimento turístico. Patente nos preços praticados pela restauração, mas enfim, nem tudo poderia ser perfeito.

Resta-me referir que a simpatia constante de todo o staff do hotel é contagiante, a atenção para com as crianças é constante, os meus filhos ao fim de alguns dias já faziam parte da casa e as portas da cozinha ou o balcão do bar da piscina era como se não existissem, tratavam quase todas as pessoas pelos próprios nomes, tal não era a intimidade.

E assim chegámos ao fim do nosso mini roadtrip, deu para recarregar as baterias e voltarmos à luta!




After we started our wonderful vacation on Monte da Cabeça Gorda, we slept three nights at Solar dos Mascarenhas, and now we would finish in the Ecorkhotel.

With this I am not trying to say that previous accommodations were not equally good, nothing like that, they were all spectacular and met the conditions we had default for a family holiday with sporting component, and we can thank Odisseias, but the Ecorkhotel only has, the best bed where I have ever slept in!

The days spent here were the best we have ever had as a family, but getting to the end of the day and to sleep in those beds ... is really the best thing in the world, be sure that you will lay tired and wake up revitalized and ready for another day, of vacation of course!

The main physical feature of the hotel, in addition to its echo component, is perhaps the fact that the 56 suites are like small villas, perfectly distributed over a vast area of ​​land, thus giving total privacy to each of the families and believe me that when we have children, it's perfect. The connection between the suites and the hotel's main building is made by stone paths, which become perfect circuit for the children to ride their bikes safe, well at least it was for mine, i believe that others have used them to run or just to stroll.

The entire hotel has been designed to be in harmony with nature and it shows in the small details thus reflecting in the behavior of guests. The mere fact of having a flock of sheep to graze freely in the enclosure of the hotel, made the delight of young and old, every day it was essential to pay a visit to our fluffy fur friends and their newborn lambs.

But the place where we spent more hours was no doubt the pool on the hotel terrace, plunge into that warm water and just stay there contemplating the plain land is something indescribable, I think, the four of us, never had so many hours in the water, to play or just to talk. You can read about he family details here.

Sportingly speaking, Ecorkhotel is perfect for the practice of cycling and athletics. Leaving each of the suites, we can immediately start running or cycling, crossing the gates we just have to decide whether we want to go left or right, choosing left we have dirt roads through the homesteads and if we choose the right we go to the national road and then the choices are endless, we just have to decide how many kilometers we want to do.

In my case and because I was in the end of our vacation, I opted for a more flat road towards Reguengos de Monsaraz, returning by the same road, a 53km training with sprints of 5 in 5kms. It was perfect to loosen the legs and once again confirm that these roads, despite having more traffic, are still very good to ride our bike.

You can see the route on Strava here.

Back to the hotel thru that parallel road, always makes me think of the movie "Wizard of Oz", if it was not for the missing yellow and it was perfect, finishing any workout walking or riding through those final kilometers to the hotel gates... let's just say that it is a call for calm. Go through the gate and into the suite, have the privilege to park the bikes in the private suite terrace is something...

It is a hotel that is perfectly isolated from the rest of the world and at the same time a few minutes from the center of Évora, a city that is constantly growing from a tourist point of view. Patent in the prices of the restaurants, but in short, not everything could be perfect.

It remains to be noted that the constant friendliness of all the hotel staff is contagious, attention to children is constant, my kids after a few days, act as if they were already part of the staff and the kitchen doors or balcony bar pool was as if there were inexistent, they new almost everyone by their first names, how about that for intimacy.

And so we have reached the end of our mini roadtrip, they were perfect to recharge the batteries and return to the fight!

Sem comentários: