ride • run • eat • drink
mtbride

RIO SADO BY BIKE

No dia da mãe fomos passear ao longo de ambas as margens do Rio Sado, um passeio feito a bom ritmo e quase sempre em grupo onde o ponto mais distante acabou por ser a ponte em Alcácer do Sal, o nosso ponto de travessia e retorno.

Mais uma manhã a acordar cedo, desta vez para apanhar o primeiro Ferry com destino a Tróia que partia às 7h30. Pequena viagem de sensivelmente 20 minutos e eis-nos a desembarcar na Península de Tróia para darmos início à nossa viagem ao longo da maravilhosa Reserva Natural do Estuário do Sado. Uma reserva localizada entre os municípios de Grândola, Alcácer do Sal e Setúbal, com uma área de 239,71 km2, onde podemos observar uma imensidão de fauna e flora.

O trajeto entre Tróia e Comporta tem de obrigatoriamente ser percorrido em alcatrão, pois o diâmetro da península nesta zona é composto por uma pequena lingua de areia dividida pela única estrada existente. A partir da Comporta entramos nas estradas de areia, utilizadas por pescadores e agricultores da zona.

Na Carrasqueira foi tempo de uma pequena pausa para o café da manhã mas não sem antes pararmos para fotografar o Cais Palafítico da Carrasqueira. A partir daqui seguimos sempre ao longo dos canais de rega até Alcácer do Sal onde fizemos mais uma pausa para hidratação.

Por esta altura o calor já se começava a fazer sentir e foi de bom grado que entrámos nos estradões de acesso das herdades locais, repletos de árvores e das suas respetivas sombras. 

O trajeto final foi percorrido ao longo da linha do comboio, utilizando a estrada de manutenção. Uma estrada desafiante onde é preciso redobrar a atenção, devido à enorme quantidade de pedra.

Foi já perto da Herdade do Zambujal que deixámos a estrada acidentada para trás e onde aproveitámos para fazer nova paragem com abastecimento de água. A partir daqui foi cada um para o seu lado, com um grande grupo a seguir para Setúbal e outro em direção ao Pinhal Novo, já eu, segui a solo para o Forninho, onde me aguardava um almoço em família para celebrar o Dia da Mãe.

No final foi mais uma aventura de 128,77 km percorridos durante 7h30 

 

On Mother’s Day we went for a walk along both banks of the River Sado, a walk made at a good pace and almost always in a group where the farthest point turned out to be the bridge in Alcácer do Sal, our crossing point and return.

Another morning waking up early, this time to catch the first Ferry bound for Tróia that departed at 7:30 am. A short journey of approximately 20 minutes and here we are disembarking at the Tróia Peninsula to begin our journey along the wonderful Sado Estuary Natural Reserve. A reserve located between the municipalities of Grândola, Alcácer do Sal and Setúbal, with an area of ​​239.71 km2, where we can observe an immensity of fauna and flora.

The route between Tróia and Comporta must be covered on tarmac, as the diameter of the peninsula in this area is made up of a small tongue of sand divided by the only existing road. From Comporta we enter the sandy roads, used by fishermen and farmers in the area.

In Carrasqueira it was time for a short break for breakfast, but not before we stopped to photograph the Palafitic Pier of Carrasqueira. From here, we continue along the irrigation channels to Alcácer do Sal, where we take another break for hydration.

By this time the heat was already starting to be felt and we were glad to enter the access roads of the local farms, full of trees and their respective shades.

The final route was traveled along the train line, using the maintenance road. A challenging road where you have to pay attention, due to the huge amount of stone.

It was already close to Herdade do Zambujal that we left the bumpy road behind and where we took the opportunity to make another stop with water supply. From here, everyone went their own way, with a large group heading to Setúbal and another towards Pinhal Novo, while I went solo to Forninho, where a family lunch was waiting to celebrate Mother’s Day. .

In the end it was another adventure of 128.77 km traveled during 7h30

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.